Quem sou eu

Campinas, S. Paulo, Brazil
Historiador, Mestre em História Social (USP). Autor de "A presença oculta. Genealogia, identidade e cultura cristã-nova brasileira nos séculos XIX e XX": co-autor do "Dicionário Sefaradi de Sobrenomes / Dictionary of Sephardic Surnames" , "B.J. Duarte, caçador de imagens" e “Os primeiros judeus de S. Paulo - uma breve história contada através do Cemitério Israelita de Vila Mariana”.

quarta-feira, 23 de julho de 2014

Comecei ler o Suassuna pelos poemas, repletos de símbolos e iluminação; daí fui para uma de suas obras-primas: A pedra do Reino. Estudei o que era Movimento Armorial, senti-me dentro daquele mundo, tomei coragem, escrevi ao Mestre Ariano (sabendo que ele não “respondia” cartas), mas, nos entendemos e trocamos longa correspondência, com o resultado disto escrevi um ensaio sobre o paralelismo da sua obra e genealogia (Suassuna: sob pele de ovelha, 1997) – um dos meus raros orgulhos é tê-lo citado no CADERNO DE LITERATURA BRASILEIRA – ARIANO SUASSUNA (IMS). O maior escritor brasileiro contemporâneo. Deus lhe pague.

Nenhum comentário:

Postar um comentário