Quem sou eu

Campinas, S. Paulo, Brazil
Historiador, Mestre em História Social (USP). Autor de "A presença oculta. Genealogia, identidade e cultura cristã-nova brasileira nos séculos XIX e XX": co-autor do "Dicionário Sefaradi de Sobrenomes / Dictionary of Sephardic Surnames" , "B.J. Duarte, caçador de imagens" e “Os primeiros judeus de S. Paulo - uma breve história contada através do Cemitério Israelita de Vila Mariana”.

segunda-feira, 12 de maio de 2014

Tio Patinhas não é eterno. Algum dia terá que repassar a sua fortuna aos sobrinhos, mas, para que eles não a desperdicem, é melhor educá-los não só no manejo dos juros compostos, mas, como descobrir também onde puder empregá-los. Em linguagem mais requintada os fazedores de dinheiro também educam os seus Zezinhos, Huguinhos e Luisinhos, com estes objetivos. Sem tios na América, de onde possam herdar o ouro, eles são enviados a ela na juventude para aprendizagem mercantil. RICARDO ESPÍRITO SANTO SILVA SALGADO (Banco Espírito Santo, “fundado” em 1869), EMÍLIO CARLOS MARÍA BOTIN-SANZ DE SANTUOLA y GARCÍA DE LOS RIOS (Banco Santander, “fundado” em 1857) e ELÍSIO ALEXANDRE SOARES DOS SANTOS (Grupo Jerônimo Martins, “fundado” em 1792) são alguns deles que vieram ao Brasil. O fundado em aspas, é por que estas empresas se transformaram ao longo do tempo. Deu certo: Hoje eles estão na revista Forbes. Basta procurá-los em suas páginas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário